Educação

Por José Antônio da Conceição, em 16/01/2013 às 01:59  

Infelizmente…

Tamanho da fonte: a-a+

MEC nomeia Romeu Caputo secretário de Educação Básica

Ele assume o lugar de Cesar Callegari, que deixou o cargo em dezembro

—————————————————————————————————————————————————-

O Ministério da Educação nomeou oficialmente Romeu Weliton Caputo como secretário de Educação Básica. A portaria foi publicada hoje no Diário Oficial da União. Caputo, que até então era diretor de programa da Secretaria-Executiva do MEC, assume o cargo que até então era de Cesar Callegari, que pediu para deixar a pasta em novembro. Hoje, Callegari é secretário municipal de Educação de São Paulo, na gestão de Fernando Haddad (SP).

Caputo é formado em Administração pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e é funcionário comissionado do MEC, com foco de atuação na Secretaria de Educação Básica (SEB). No cargo que ocupava desde abril do ano passado, era responsável pelo assessoramento direto ao secretário-executivo do ministério, José Henrique Paim.

Antes, Caputo foi diretor de articulação e apoio aos Sistemas da Educação Básica; membro do Núcleo de Informações Gerenciais do MEC; diretor de apoio aos Sistemas Públicos de Ensino e Promoção da Infraestrutura Física e Tecnológica da SEB; coordenador-geral de Planejamento e Gestão do Gabinete da SEB; coordenador-geral de Políticas de Ensino Médio e membro suplente do Conselho de Acompanhamento e Controle Social sobre o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Além dos cargos no governo federal, ele também foi, entre 2001 e 2007, gerente de Gestão Administrativa e Financeira da Secretaria Municipal de Educação de Belo Horizonte (MG). Caputo foi para a SEB durante a gestão de Maria do Pilar Lacerda, que antes havia sido secretária municipal de Educação da capital mineira.

http://www.todospelaeducacao.org.br/comunicacao-e-midia/noticias/25507/mec-nomeia-romeu-caputo-secretario-de-educacao-basica/

—————————————————————————————————————————————————-

Este tal de Romeu Caputo, esteve por duas vezes sentado na mesa da Plenária do CONSELHO MUNICIPAL de EDUCAÇÃO de Belo Horizonte. Eu também estava lá! Ele havia sido convocado pelo CONSELHO para fornecer dados sobre as finanças (verbas destinadas à Educação Pública) aplicadas na Rede Municipal de Educação de Belo Horizonte.

Tergiversou, rodeou, fingiu que respondeu, falou bastante, citou Leis, apontou dificuldades e não forneceu ao Conselho as informações solicitadas!

É sempre assim! Quem cumpre fielmente o papel de enganar o povo e as instituições sobre como é aplicado o dinheiro dos impostos, sobe na carreira que nem um foguete!

O PT acaba de perder o pouquinho de respeito que eu ainda tinha pelo partido, imaginando que ele (PT) pudesse se livrar de sua banda podre e voltar os olhos novamente para o povo brasileiro!

Posso falar! Tenho a cópia das ATAS aqui comigo!




7 opiniões publicadas

O que você tem a dizer?

Por roberto argento filho argento, em 16/01/2013 às 11:21

"Infelizmente…" - não vai sobrar ninguém pra puxar a "cordinha"

Por José Antônio da Conceição, em 16/01/2013 às 11:50

@argento Conhece o interruptor antigo "de cordinha"? O último a sair poderá ter o cuidado de apagar a luz!

Por erikssom patos, em 16/01/2013 às 10:19

Ok, José Antonio, primeiramente parabéns pela palavra. O Jader deve ver essa! Até que enfim você viu o que é esse partido mentiroso. Já vimos isso há muito tempo. Há muito tempo que assistimos essa lorota de palanque, mas na hora da onça beber a água na aguada os caciques agem como qualquer um outro cacique de partido faz! Continuamos aqui para dizer o que for necessário no que diz respeito ao que achamos que esta errado ou certo.

Por José Antônio da Conceição, em 16/01/2013 às 10:54

@patos Pelo que me consta Patos, Romeu Caputo pode ter sido professor municipal aqui em Belo Horionte (concursado), mas não tenho informação de que ele tenha sido pelo menos diretor de uma Escola Municipal. Porém, a própria notícia nos informa que desde 2001 ele é apenas "homem de gabinete". Este cargo deveria que ser ocupado por quem já foi professor durante longo tempo, Coordenador dentro da Escola por pelo menos um mandato (3 anos), Diretor de Escola por pelo menos dois mandatos (6 anos), Secretário Municipal por pelo menos um mandato (4 anos) em uma cidade grande. Como ele é jovem (nada contra os jovens), significa que experiência e conhecimento dos problemas que precisam ser enfrentados de frente, ele, decididamente não tem!

Por mario jota, em 16/01/2013 às 07:51

Acho que agora posso dizer que dá para concordar com você, o PT não está nem aí com as necessidades do país. É um partido que só se preocupa com seu projeto e não um projeto de país. Basta ver sua base aliada composta dos piores exemplos. Lula poderia ter se livrado desses caras indo para as ruas e convocando a população contra esses desmandos, mas não fez, e por isso não merece nenhum respeito. É pior do que os membros da base aliada.

Por regina oliveira, em 16/01/2013 às 02:56

Uma pena José que sejamos observadores políticos sem qualquer alcance.Fechados numa redoma blindada aos de fora .Mesmo assim faça a parte que lhe compete.Saudações

Por José Antônio da Conceição, em 16/01/2013 às 02:17

Gostaria muito de estar escrevendo isso numa plataforma de visibilidade nacional e com alta audiência! Uma plataforma que se firmasse e se afirmasse pelos acessos e pelo seu público, ao invés de fazê-lo por meio de números escolhidos a dedo para compor um pífio relatório que até o momento não relatoriou quase nada de importante!