Opinião

Por , em 25/04/2013 às 22:56  

Sobre o PL que proíbe bailes funk em São Paulo

Tamanho da fonte: a-a+

“É pesado, às vezes muito pesado. Mas, bem, primeiro que ninguém é obrigado a ouvir.” Antes fosse assim tão simples. Com as tecnologias disponíveis e relativamente baratas somos sim obrigados a ouvir. Mas, claro que não endosso esta proibição, pois não é questão de estilo musical e sim de liberdade e suas extensões… A questão é a poluição sonora que somos atingidos por quem ouve, e considero aqui qualquer tipo de música. É consensual quando falamos em externalidades negativas de algum impacto ambiental, por que então não levar este tipo de poluição mais a sério enquadrando quem desobedeça os limites do Código de Posturas Municipal? Agora outra questão: é mais fácil angariar votos dos incautos por um novo Projeto de Lei do que impor os rigores da lei já existente e que dá trabalho e indisposição com os sindicatos de servidores municipais que exigirão condições para tornar tais leis e códigos exequíveis.

 




1 opinião publicada

O que você tem a dizer?

Por Michael Santos, em 25/04/2013 às 23:29

APOIADÍSSIMO!!!!!