Opinião

Por José Antônio da Conceição, em 27/06/2013 às 17:44  

Rachou? Rachado já estava. O Machado rachador não foi o povo.(III)

Tamanho da fonte: a-a+

25 de junho de 2013 – Sobre o Brasil, que acordou
Rachou? Rachado já estava. O Machado rachador não foi o povo.

Quando a Presidência da República (cargo e Instituição) faz uma reunião tentando a calmaria e, a Vice-presidência (cargo e Instituição)  faz outra logo em seguida dizendo que a calmaria não acontecerá com as orações e danças do Pajé, fica explícito e exposto na vitrine a podridão do SISTEMA, que o povo finalmente percebeu.

Política não é mais política, apenas jogo de interesses (sujos e individualistas interesses).

Representante, representa muito bem a si mesmo, a seus apaniguados e financiadores de campanha. É delicioso e muito lucrativo permanecer nos parlamentos, nos palácios e cargos, lugar inalcançável pela Lei, que deveria ser escrita para todos e por todos cumprida.

Não foi o machado do povo que rachou a grande tora e expôs o cerne apodrecido da coisa!

***

Post-scriptum

Resposta redigida antes, bem antes (dois dias antes).




Nenhuma opinião publicada

O que você tem a dizer?